8 agosto, 2013
Por Katia Ouang

Final de semana chegando e quem tem criança em casa sempre busca um programa novo para fazer. Então hoje vou contar como foi nossa visita a Cia dos Bichos que foi muito gostoso e a família toda curtiu!

A cada dia a Bruna aproveita mais esses passeios onde há contato direto com os animais. Mais até que no Zoológico , pois dessa vez ela pode chegar bem pertinho, passar a mão e alimentar os bichinhos.

Já conhecia a Fazendinha ( veja aqui ) , porém achei muito cheia e um pouco desorganizada, além de não ser nada prática para quem vai com carrinho.

É claro que esse tipo de passeio você tem que dar sorte. Tudo depende do dia que você vai, se está tempo bom, se está muito cheio, enfim…
Como sempre eu escolho estar nesses lugares assim que eles abrem. Acho que programa com criança já é complicado, se estiver cheio então, esquece.
Chegamos cedo e foi ótimo. Estava tudo super limpo e organizado e sem filas para entrar nos cercados dos bichinhos.
Os monitores são super simpáticos e prestativos e incentivam bastante as crianças à chegarem pertinho dos animais.
Vejam algumas fotos:
Eu e a Bruna alimentando as cabras! Vou confessar que não curto muito ficar próxima desses bichos mas o que a gente não faz por um filho!
Ela mesma me surpreendeu por querem passar a mão em todos os bichos sem medo! E esse contato é ótimo para o desenvolvimento da criança.
Minha dica para as mães é, vá de tênis, com roupa velha e bem confortável… pois os bichos lambem e as vezes até pulam na sua roupa! Eu voltei mais suja que a Bruna!
Com ajuda dos monitores as crianças podem subir no Bufalo!!!
E pegar nas galinhas ( afe que medo, eu não teria coragem !)
Olha o sorriso amarelo da Bruna querendo dizer: Rápido com essa foto Mamãe!
Alimentando os coelhinhos!

Alguns animais ficam soltos pelo espaço e a criança pode chegar bem pertinho!

Além disso algumas outras atrações também são super interessantes como o berçario de filhotes, um espaço só para os filhotinhos de alguns animais de lá, passeio a cavalo, ordenha da vaquinha, trilha, alimentação dos patos e passeio de charrete. Esse a Bruna adorou:

Outra coisa que a Bruna amou foi o parquinho:
Agora a parte que sempre nos interessa; a logística!
A Cia dos Bichos fica em Cotia mas é super fácil chegar pela Raposo Tavares.
O estacionamento é enorme e fica na entrada do espaço.
Eu levei a Manu no carrinho, foi tranquilo para circular exceto em algumas pequenas subidas. Então se você tiver um carrinho maior, com rodas e suspensão, é mais adequado para lá do que os carrinhos tipo guarda chuva.
Os banheiros são ok e de fácil acesso e o trocador fica em uma salinha separada que tem até 1 chuveiro para alguma emergencia.
Só achei ruim que é apenas 1 trocador e o espaço bem apertado, então tinha uma filinha para poder usar. Mas tem papel para forrar e a limpeza estava ok.
Para quem quiser almoçar no local, o restaurante tem várias opções de pratos caseiros. O prato com todos os acompanhamentos dão para 2 pessoas e ainda você pode dar para as crianças pois é sempre um filé ou frango grelhado com arroz, feijão, salada,batatinha, etc.
O valor da entrada é R$ 40 por pessoa e crianças acima de 2 anos pagam o mesmo valor.
Não aceitam cartões, então levem cheque ou dinheiro.
Minha conclusão é que é um ótimo lugar para passar o dia, pois além dos bichos e do parquinho, você pode almoçar e depois ficar passeando por lá que é um lugar super gostoso.
Vamos voltar com certeza!
E para ver todos os passeios que já fizemos em São Paulo, clique AQUI
Um ótimo final de semana para vocês!
*K*
1 Comentário

8

19 julho, 2013
Por Katia Ouang

Quem me acompanha no Instagram viu que levei a Bruna no musical Disney Live no Teatro Bradesco.
Várias leitoras me mandaram email perguntando o que achei, se vale a pena, para qual idade etc.
Como o musical está em cartaz até dia 4 de agosto em São Paulo e depois sai em turnê por várias cidades do Brasil, achei que valeria um post.

Eu comprei super em cima, mas consegui lugar pois passei o dia abrindo o site para tentar uma cadeira. Tive que comprar 2 separadas, pois a Bruna paga meia, e ela foi no meu colo. 
Vale a pena ir tentando pois muita gente reserva on line mas se não efetuar a compra, o lugar fica disponível depois de meia hora.
Aconselho comprar na platéia onde todos os lugares são bons. Eu fiquei na fileira L e a visão era perfeita. Muito perto não acho ideal pois a criança pequena não consegue ter uma visão geral do espetáculo.

Eu adorei, achei super bem produzido, alegre, colorido e animado.
É dividido em 2 atos de meia hora com um intervalo de mais ou menos uns 15-20 minutos e prende atenção do início ao fim.
Os personagens da turma do Mickey não são a atração principal, achei que eles apareceriam mais, o que decepcionou um pouco a Bruna que anda em paixão aguda pela Minnie!
Eles entram para abrir e fechar o show e entre as histórias do Aladim, Ariel e Toy Story. 
Então 2 das histórias são com princesas, acho que isso foi bom para as meninas. Mas no final as histórias em si não importam muito, há pouca fala, mais música e troca de cenário. Acho que isso que fascina as crianças.
Gravei uns trechinhos do celular para vocês terem uma idéia.
Esse do Aladim eu acho lindo, sempre adorei essa música e as crianças ficam encantadas:
E esse foi um trecho da cena final com todos os personagens!


Só estejam preparadas para driblar o bando de vendedores de itens como canecas, bonecos, brinquedos que piscam e dezenas de itens do Mickey pois sabendo que as crianças pedem e não sossegam enquanto a mãe não comprar, chegam a cobrar o absurdo de R$ 30 por um algodão doce!

Eu fiquei super feliz de ver a carinha da Bruna que mal piscou do começo ao fim!
Foi ótimo pois saímos só nós duas, algo que estava bem difícil depois que a Manu nasceu e que fez super bem a ela. Dançamos, cantamos e ela conseguiu aproveitar cada minuto!




Programa recomendadíssimo!

Bom final de semana !!!

Comentários 6

0

24 maio, 2013
Por Katia Ouang





Final de semana chegando e um dos programas que mais gosto é ir a parques com as meninas.

Então a partir de hoje eu vou indicar alguns parques em São Paulo que costumo frequentar, falar sobre a estrutura, e mostrar o que cada um tem de mais gostoso. 

Começando pelo Parque Alfredo Volpi, ou antigo Parque do Morumbi, na Circular do Bosque.
Esse parque especialmente não é o melhor lugar para ir com bebês pequenos. Mas eu sempre vou com as duas e deixo a tarefa de empurrar o carrinho para o marido! 
Pois lá o principal são as trilhas em uma área enorme de Mata Atlântica preservada. E além do sobe e desce, tem muita irregularidade no piso. Então melhor ir com um carrinho com uma certa suspensão.

Mas já fomos algumas vezes com a Manu no Mclaren que é um carrinho super duro e ela não só não reclamou, como dormiu.

O que eu adoro nesse parque é a sensação de estar fora de São Paulo, literalmente no meio do mato!
Sabe aqueles dias com tempo seco e poluição? ande 10 minutos em uma das trilhas desse parque que você vai respirar um ar super puro e fresco e esquecer da vida lá fora.
Tem dezenas de espécies de aves, e com sorte você cruza um tucano um gavião pelo caminho.
Programa ótimo para a criançada que adora procurar os animais nas árvores e brincar de passeio na floresta.
Já vimos macaquinhos e bicho preguiça, além dos patos, gansos e peixes que facilmente são vistos nos diversos lagos do parque.




O bacana são as diversas placas informativas pelo parque com animais e espécies de plantas.

 Mesas para piquenique e parada para um lanche estão espalhadas por todo o parque em ambientes deliciosos!




Mas leve tudo pois no parque não há estrutura alguma para venda de lanches e bebidas.


Pelo menos em todas as vezes que fui, o banheiro na entrada do parque não possui trocador, mas há um espaço no balcão das pias para trocar o bebê. Leve um trocador portátil ou algo para forrar.


E o que as crianças adoram é o parquinho em um enorme espaço de areia.





Fica a DIKA para o final de semana!






Av. Eng. Oscar Americano, 480 – Morumbi 
Funcionamento: diariamente das 6h às 18h / 6h às 19h (horário de verão) 
Fone/Fax: (11) 3031-7052
Deixe um Comentário

0

14 maio, 2013
Por Katia Ouang

Já há algum tempo eu queria levar a Bruna ao Zoológico. No Zoo Safari já fomos diversas vezes e ela adora ( veja post), mas confesso que ao Zoológico eu tinha uma certa preguiça, pois como só poderia ir aos finais de semana, estava com medo da tal “muvuca” e lotação que tanto me alertaram.

Esperei então a Manu estar um pouco maior e o tempo não estar tão quente para encarar o passeio.

Vou contar os detalhes como sempre do ponto de vista de uma mãe que vai com filhos pequenos e precisa de estrutura para tudo! 

Infelizmente passei por uma situação chata que foi ter meus óculos roubados. Eu deixei no carrinho apenas por 1 minuto para tirar uma foto, e quando virei já não encontrei mais os óculos e um grupo enorme de pessoas tinha acabado de passar por nós… Aí não tinha muito o que fazer…
Por isso, tomem cuidado com bolsa e pertences como celular, câmeras, carteiras, não dá para bobear. Ainda mais quem está com filho que sai correndo e você larga tudo para correr atrás!
Vamos então ao passeio!

Para não correr o risco do estress de fila, estacionamento lotado e muita gente, saímos cedo de casa e chegamos um pouco antes da bilheteria abrir.
Conseguimos parar o carro logo no início do estacionamento , o que é maravilhoso considerando que você já terá que andar bastante.

Já rolava uma fila do lado de fora, mas era a fila para esperar a bilheteria abrir. Nada que 5 minutos não resolvessem.

Ainda tive a surpresa boa de que clientes com Itaucard ( Master ou Visa) tem desconto de 50% em um adulto, e como as meninas não pagam, nós 4 foi R$ 27 ( R$ 18 cada adulto e um com 50% foi apenas R$ 9). 
Me surpreendi como as ruas são largas e tudo super arborizado e lindo, já valeu o passeio por aí, pois a sensação de estar fora de São Paulo por algumas horas é o que eu mais amo e que me faz tanto ir a parques com as meninas. O lago com as árvores em volta é uma verdadeira paisagem de filme! Eu amei!

Em relação aos animais, há uma boa variedade e eles estão separados por áreas no Zoo. Não fomos em tudo por razões óbvias que é sempre respeitar o tempo da criança.
As distâncias são relativamente longas. E mesmo a Bruna que já não usa mais carrinho há muito tempo, se rendeu a algumas “sentadinhas” pelo percurso. 
Eu não sei se não tive sorte, mas muitos dos animais mais esperados pela ela como o Leão, Tigre e Urso não conseguimos ver pois estavam muito longe da cerca ou estavam dentro da casa deles. Outra coisa que me incomodou bastante foram as subidas que tivemos que fazer com os carrinhos para chegar em alguns animais. E subir com um carrinho com a criança dentro vocês podem imaginar o peso! Eu e meu marido depois da 3a subida já estávamos exaustos! E não foram poucas!

Fomos embora depois do meio dia e o parque ainda estava tranquilo, não estava nada lotado. Acho que nisso eu dei sorte. Já me disseram que aos sábados é mais vazio do que aos domingos.

Há banheiros e lanchonetes espalhadas por todo o Zoológico com uma distancia bem curta entre eles, o que facilita bem para uma paradinha.

Seguem algumas imagens do nosso passeio. Não consegui tirar tanta foto pois com a Bruna e a Manu junto é bem complicado!
O lago com patos e muitos macaquinhos que ficam brincando e se exibindo o tempo todo. As crianças adoram!

Pausa para um descanso em frente ao lago!

A Bruna adorou o programa. A Manu ainda é muito pequena para entender e foi porque sempre levamos ela junto. 
Mas se fosse só uma criança, recomendo fazer esse programa acima de 1 ano e meio, 2 anos. Antes disso é um pouco cansativo e a criança não vai entender e nem aproveitar nada. Aí é melhor ir ao Zoo Safari ou algum parque gostoso.

Mas pretendo voltar sim para ver os animais que ficaram faltando, e acho o ideal dividir esse programa em duas etapas. Assim não fica tão cansativo e as crianças conseguem ver melhor e curtir mais cada bicho.

Agora vamos ao que interessa às mamães. 
O Fraldário! Na entrada do parque, descendo as escadas logo a esquerda, você segue por uma das ruas dos animais e encontra um fraldário, separado do banheiro, e com o básico que precisamos para a logística dos pequenos
Trocadores, poltronas para amamentação e microondas. Tudo bem simples mas estava super limpinho e organizado. Então podem levar papinhas ou parar para trocar e amamentar os pequenos!
Inclusive em alguns dos outros banheiros que entrei.



E todas as informações que quiserem saber, no site do Zoológico tem  !

E para ver as outras opções de Passeios com crianças em São Paulo que já falei aqui no blog , clique AQUI
Vocês já foram ao Zoo, gostaram?

Deixe um Comentário

1

27 março, 2013
Por Katia Ouang



( fotos site Teatro Procópio Ferreira)



O mais novo espetáculo da turma da Galinha Pintadinha, Cadê Popó, está em cartaz em São Paulo no Teatro Procópio Ferreira.


Eu poderia apenas repetir o post que fiz sobre a primeira versão no ano passado ( veja aqui )
Minhas impressões foram quase as mesmas e super positivas.


Vale sim muito a pena, as músicas são animadas, o cenário colorido, e toda criança que já gosta da Galinha e escuta as suas músicas, irá adorar. 


Não identifiquei uma grande mudança nesse espetáculo, mas tudo bem, acho que a maioria das crianças nem se importa com isso. Achei que tem um pouco menos de texto e mais músicas, o que facilita para crianças pequenas entenderem. Por outro lado não achei o cenário e a produção tão caprichados quanto a primeira versão. Mas ok também. 
Nada perceptível aos olhos de crianças que só querem cantar e ver a famosa Galinha!

Em relação ao Teatro, como não é muito grande, é possível enxergar bem de qualquer lugar. Mas é claro que quanto mais perto, mais atrativo para as crianças. E para quem quiser levar no colo, o teatro disponibiliza almofadas para apoiar e deixar os pequenos com um boa visão.

Tenho apenas uma crítica a fazer ao Teatro Procópio Ferreira que não teve muito cuidado com a manutenção. O meu sobrinho engatinhando foi apoiar na cadeira e queimou a mãozinha em uma das lâmpadas que estavam sem a tampinha, aquelas que ficam no pé da cadeira, próximas ao chão para iluminar o corredor. Logo depois, a Bruna quase cortou a mão quando pegou a plaquinha de identificação do assento da frente que estava caindo e quebrada.
Pequenas coisas que o Teatro deveria se preocupar em observar pois são importantíssimas para a segurança de nossos filhos.

Deixando esse episódio de lado, eu me realizei vendo a Bruna tão empolgada, cantando, batendo palma e com os olhinhos brilhando.

Agora é esperar pela versão 3 do espetáculo!

                            Bruninha cantando e batendo palmas!


E vocês , já levaram nesse novo espetáculo? o que acharam?
Comentários 7

0

22 novembro, 2012
Por Katia Ouang

Mais uma dica de programa para fazer com a criançada que a Bruna adorou; o Aquario de São Paulo. Um passeio educativo e interessante não apenas para as crianças mas para nós também.
O Aquário de São Paulo é o maior aquário da América Latina e é o único aquário temático do Brasil. Fiquei bem surpresa com algumas salas que são super bem decoradas lembrando muito os cenários de um navio e até me remeteu alguns brinquedos da Disney !
Além dos peixes, tubarões e arraias que nadam pelos aquários por cima de nós, existem jacarés, tartarugas  e lagartos. Em seguida é possível fazer um passeio pelo Vale dos Dinossauros, com réplicas gigantes desses seres. A princípio a Bruna assustou um pouco nessa sala, mas depois amou e ficou encantada com esses bonecos enormes ela nunca tinha visto.

Antes de chegar na lojinha e cafeteria ficam os pinguins! Muito fofos e divertidos que chegam bem pertinho de nós através dos vidros.

E no final vem o Setor dos Mamíferos, um passeio em meio à selva amazônica onde ficam o peixe-boi, macacos, tucanos, lontras, tamanduá e um lobo-marinho ! Vale avisar que esse setor fica logo após a Cafeteria e como de lá já tem acesso à saída, muitas pessoas acabam nem passando por essa parte que é muito bacana e bem ambientada!

Jacarés

Tartarugas

Peixes variados

Arraias ( ficamos abaixo delas!)

Peixinhos ( a Bruna amou o Nemo!!!)

Pinguins

Bem pertinho!

Eu recomendo o aquário para crianças acima de 1 ano que já andem e que já entendam o que são alguns bichinhos. É um programa rápido e gostoso. 
Pelo site do Aquário é possível comprar ingressos antecipados com desconto.
Uma dica; achei o ar condicionado um pouco forte então levem um casaquinho para os pequenos e bom passeio!!!
Comentários 3

0

16 outubro, 2012
Por Katia Ouang

Com certeza metade das mães que moram no Rio e em São Paulo já levaram seus filhos para assistir a Galinha Pintadinha, o fenômeno entre bebês e crianças.

Hoje vou contar um pouco da logística de levar um filho pequeno ao teatro pois recebi alguns emails perguntando onde é bom sentar, pode ir com carrinho, tem trocador no teatro, enfim…?

Quando a Bruna tinha 1 ano, levei ela para assistir o musical Peixonautas, por coincidência no mesmo teatro da Galinha Pintadinha. Foi um desastre, o  Shopping estava lotado, barulho, elevadores demorando horas e não tinhamos opção pois estavamos com carrinho, enfim… foi um sufoco conseguir chegar até o último andar do Shopping. E foi só começar o teatro e a Bruna não parava quieta e nõ queria ficar no colo… resultado; tivemos que sair em menos de 10 minutos da peça. Ela era pequena, estávamos em um lugar longe e as músicas não empolgaram. Gastamos dinheiro à toa.

Estava enrolando para levá-la na Galinha para ela poder aproveitar o máximo possível. E foi ótimo dessa vez. Com 2 anos a criança já fala, entende, canta, dança…é outra coisa. No caso da Galinha Pintadinha, os bebês já nascem escutando as músicas, então acredito que a partir de 1 aninho eles já consigam se divertir se estiverem bem familiarizados com as canções.

Comprei com certa antecedência para pegar um lugar bem próximo ao palco e isso prender mais a atenção.
Fiquei na dúvida se comprava uma cadeira para a Bruna mas no final optamos por ela ficar no colo do meu marido e foi ótimo! O teatro disponibiliza umas almofadas tanto para a criança que tem seu próprio assento, quanto a que fica no colo dos pais.

Como o teatro não é grande, mesmo o lugares mais no fundo não são tão distantes. Mas a minha dica para conseguirem aproveitar bem, principalmente se for bebê pequeno, é estar nas primeiras 10 fileiras. Pois as crianças piram com os personagens vistos de pertinho.

Você pode ir com carrinho e deixar na entrada do teatro e para trocar o bebê caso seja necessário, do lado de fora do teatro e bem pertinho, tem um Espaço Família do Shopping bem equipado.

E vale a pena a peça? Sim, vale muito a pena!
As músicas são exatamente como apresentadas nos DVDS, cantadas pela mesma voz, e com as cores e cenários que as crianças veem na tela. A primeira entrada da Galinha no palco é uma gritaria só da criançada, é como uma “super star” para elas !
Dura uns 50 minutos, passa super rápido e é o suficiente para os pequenos não ficarem cansados e aproveitarem bastante.

A Bruna ficou até com gostinho de quero mais!
Mais do que recomendo e vou levá-la de novo!!!

Para informações de horários e ingressos, clique AQUI

1 Comentário

0

16 maio, 2012
Por Katia Ouang

Um dos programas que eu sempre fazia antes da Bruna nascer era tomar café da manhã
no Frutaria São Paulo. Cheguei a ir algumas vezes com ela entre 6 meses e 1 ano pois ainda ficava sentada no cadeirão e passava horas tentando comer um pãozinho ou vendo um dvd portátil. Depois disso desisti de vez pois tomar café era totalmente impossível,  além dela não parar no cadeirão, jogava tudo, queria sair andando, enfim, quem tem filhos nessa fase sabe bem.
Semana passada arriscamos mais uma tentativa e para minha surpresa, o Frutaria tem agora um cantinho para entreter crianças com uma monitora. Tem uma mesa com lapis , giz de cera e desenhos para colorir, além de alguns brinquedinhos no tapete. Nada de mais mas suficiente para eu me meu marido termos alguns minutinhos de paz!
Sentamos ao lado desse cantinho e a Bruna ficou lá com a monitora brincando. Foi ótimo!

( geral das mesas)

( mesa de bolos e doces, o bolo formigueiro é maravilhoso e o de cenoura são maravilhosos!)

( mesa de pães, minha preferida! Tem pães de cenoura , beterraba, brioche, croissant…!)

( Geléias, queijos, frios )

( frutas, salada de frutas, creme de abacate e morango, cereais)

( sucos)

Agora o cantinho de atividades e a Bruna desenhando com a monitora:

 

O cantinho fica montado durante o buffet de café da manhã todo sábado, domingo e feriados.
Agora o lado prático e funcional que vocês me pedem, o frutaria tem cadeirão daqueles de madeira e um banheiro para deficientes que tem um trocador. O banheiro é amplo e dá para trocar tranquilo o bebê. Não esqueçam de levar um cueiro para forrar pois como todo lugar público, a almofada do trocador não é sinônimo de limpeza!
Fiquei feliz em saber que poderei frequentar de novo esse café que amo. E é ótimo para as crianças pois tem várias coisinhas que elas amam comer bem fresquinhas e saudáveis.
Adorei e super recomendo!

1 Comentário

0

19 março, 2012
Por Katia Ouang

Um programa bem conhecido em São Paulo e que as crianças adoram, é a Fazendinha Estação Natureza, um espaço com vários animais onde todos podem alimentar, chegar bem pertinho e passar a mão.
Boa parte desses animais como patos, gansos e galinhas, passeiam soltos pelo espaço atraindo a atenção da criançada.
Há monitores espalhados pelo espaço que fornecem capim para alimentar as cabras e cenoura para os coelhos e porquinhos da India. Há também passeio em mini charrete ou uma volta em cavalo, tudo supervisionado pelos monitores.
Para papais que não tem muito pique, fiquem tranquilos, não é um passeio nada cansativo. A area não é muito grande, mas é bem arejada e agradável. Nós aproveitamos muito e fizemos tudo em 1hora.
Não almoçamos por lá mas já me disseram que o restaurante serve uma comidinha caseira bem gostosa. E tem disponível uns lanchinhos e bebidas para comprar.
Agora aquelas observações de mãe que gosto de fazer:
– Como a Fazendinha só abre aos finais de semana, vá cedo pois o estacionamento lota rápido e como os espaços para cada bicho são pequenos, fica meio tumultuado com muita gente.
– O terreno é totalmente ingreme, não acho um passeio muito bom para fazer com bebês que ainda não andam. Além da inclinação o terreno é de terra e pedrinhas, totalmente irregular com trechos dificeis para passar com o carrinho. Não é o ideal,  mas é possivel entrar com o carrinho sim . Vi varias mães com bebês de colo ,mas com muita dificuldade na hora de empurrar o carrinho.
– Vá de tênis , você e seu filho!
– Leve um cueiro para usar no trocador, achei bem sujo o colchãozinho e todo rasgado, não tem como usar sem forrar.
– Leve dinheiro ou cheque, eles não aceitam cartões de credito ou débito
Fora isso é um programa que super recomendo e que será diversão na certa para os seus filhos. A Bruna ficou fascinada e ainda adorou chegar tão perto dos bichinhos!

Dando capim para as cabras.

Cenoura para os porquinhos da India

Lago com patos

Tartarugas
Crianças até 2 anos não pagam e adultos sai R$ 30 por pessoa.
Fazendinha Estação Natureza
Av. Washinton Luis, 4221 – São Paulo
Comentários 3

0

6 março, 2012
Por Katia Ouang
Semana passada levamos a Bruna para conhecer o Zoo Safari, ou antigo Simba Safari! 
Fica ao lado do Zoológico e possui 4km de estrada que você percorre em carro próprio ou em uma van do parque. Na maioria do tempo o carro pode permanecer com os vidros abertos, exceto na área dos macacos onde é obrigatório o fechamento dos vidros. E as crianças podem ir no colo observando tudo.
Logo na entrada você pode comprar uma caixinha com ração para dar para os bichos.
A Bruna amou o programa, ficou encantada com tanta vegetação e com os animais. Acho uma ótima opção para levar crianças a partir de 1 ano ( antes disso acho que não entendem muito bem), e ter a sensação que você está bem longe de São Paulo. Realmente a area é enorme e muito arborizada.
Agora as minha impressões do passeio, já que para a Bruna estava tudo mais do que perfeito pois para ela tanto faz se o pavão tinha ou não penas bonitas, ou o leão estava ou não magro… 
Me decepcionei um pouco quando vi como um local enorme e com potencial como esse é tão mal explorado e tão mal cuidado. Os animais estão magros, com pelos e penas caindo, as ruas com buracos.
Na saída, na área da lanchonete, é tudo super simples, sem muita estrutura. 
Há um fraldário relativamente limpo e separado dos banheiros onde é possível trocar seu bebê.
O que me surpreendeu foi que visitamos a área da lanchonete antes do passeio, e quando terminamos eu queria trocar a Bruna, lavar as mãos ( ja que demos comida na boca dos bichos) e tomar algo. 
Já estava tudo fechado e deserto, inclusive os banheiros e fraldário , pois fomos quase na hora do parque fechar. Isso porque era um domingo de sol, dia de maior movimento.
Mesmo assim recomendo super, pois a alegria de nossos filhos vale qualquer passeio.
Mas se programem para ir mais cedo e não esperem encontrar um “Safari” como no Animal Kingdom em Orlando. 
É uma pena, pois potencial e público em São Paulo, tem de sobra.
Pena que o governo não investe nisso.

Bruna vendo o Tigre.

Macacos na unica area que devemos fechar os vidros. Minha dica, antes de entrar, jogue bastante ração no vidro da frente, assim eles descem para pegar e as crianças se divertem!

Camelo

Cervos ! Esses estavam lindos!! super bem tratados e em bando!!

Alimentando o Cervo!

Bisão !

Jacarés

Emas que vem até o carro ( eu particularmente fiquei com um pouco de medo de tomar uma bicada!)

Bruna curtindo !

1 Comentário

0